Ryan Thorpe e Rachel Chang dos EUA ganham o "Stockholm Junior Water Prize" de 2017

Ryan Thorpe e Rachel Chang dos EUA ganham o "Stockholm Junior Water Prize" de 2017

PR Newswire

ESTOCOLMO, 29 de agosto de 2017

ESTOCOLMO, 29 de agosto de 2017 /PRNewswire/ -- Dois estudantes dos EUA, Ryan Thorpe e Rachel Chang, ganharam o prêmio "Stockholm Junior Water Prize" ("Prêmio Júnior da Água de Estocolmo") de 2017, na terça-feira, por seu novo método para detectar e purificar água contaminada por Shigella, E. coli, Salmonela e Cólera. Sua Alteza Real, a Princesa Herdeira Victoria da Suécia entregou o prêmio em uma cerimônia durante a Semana Mundial da Água em Estocolmo.

Ao receber o prêmio, Rachel Chang disse: "Estou totalmente dominada pela emoção. Todos os projetos apresentados aqui são certamente surpreendentes, realmente da mais alta qualidade. Assim, poder realizar tal conquista é inacreditável".

Em sua menção, o júri declarou: "O projeto vencedor deste ano incorpora o princípio fundamental do fornecimento de água potável segura. A motivação dos vencedores é a de evitar milhões de mortes humanas por ano. O projeto desenvolveu um método único, rápido e sensível de identificar, quantificar e controlar os contaminadores da água".

Os estudantes construíram um sistema que detecta e purifica a água contaminada por Shigella, E. coli, Salmonela e Cólera mais rapidamente e com maior sensibilidade do que os métodos convencionais. O sistema detecta tão pouco como uma colônia reprodutiva de bactérias por litro instantaneamente e elimina a presença de bactéria em aproximadamente dez segundos. Em contraste, os métodos convencionais têm limites de detecção de até 1.000 colônias e tomam de um a dois dias. O novo método dos estudantes pode evitar a contração e o surto de doenças transmitidas pela água e expande a disponibilidade de água potável em todo o mundo.

"Esse método é aplicável no mundo desenvolvido e em desenvolvimento. O projeto vencedor usou ciência fundamental de uma maneira elegante para lidar com bactérias patogênicas na água potável. O projeto tem o potencial de revolucionar o futuro da qualidade da água", o júri disse.

"Esse é um projeto muito inspirador, que confronta um dos maiores desafios do mundo, que é o de fornecer água potável limpa para todos. Métodos como esse podem liberar um enorme potencial humano, quando o acesso à água potável segura e, por extensão, à saúde melhora para centenas de milhões de pessoas", disse o diretor executivo do Instituto Internacional de Águas de Estocolmo (SIWI – Stockholm International Water Institute), Torgny Holmgren.

A competição do "Stockholm Junior Water Prize" reúne os mais brilhantes cientistas jovens do mundo, para encorajar a continuidade de seus interesses na água e no meio ambiente. Equipes de 33 países competiram nas finais de 2017.

Informações sobre o Instituto Internacional de Águas de Estocolmo, sobre o "Stockholm Junior Water Prize" e sobre a Semana Mundial da Água podem ser encontradas em http://www.siwi.org e http://www.worldwaterweek.org.

Contato com a imprensa: Kanika Thakar, do SIWI, +46-8-1213-6036.

View original content:http://www.prnewswire.com/news-releases/ryan-thorpe-e-rachel-chang-dos-eua-ganham-o-stockholm-junior-water-prize-de-2017-300511243.html

FONTE Stockholm International Water Institute (SIWI)

Voltar noticias em Português no Mundo